notebook para arquitetos

Qual o melhor notebook para arquitetos? Conheça as opções!

Classifique este post!
[Total: 1 Average: 5]

Atenção: devido às constantes variações do dólar, os notebooks têm mudado muito de preço e alguns não entram e saem das categorias de preço que selecionamos. Tenha isso em mente, mas as recomendações continuam. Boa leitura 🙂

Escolher o melhor notebook para arquitetos parece simples para muita gente: basta comprar o McBook Air mais caro que você encontrar e já está feito! CLARO QUE NÃO!

Esteriótipos da arquitetura à parte, muita gente ainda cai na armadilha de pensar que para ter um bom notebook para trabalhos de arquitetura basta comprar qualquer Mac que está feito. Porém não é bem assim e você pode acabar se ferrando bastante gastando de R$4.000 a R$6.000 num MacBook Air com gráficos integrados que vai decepcionar.

Ah, mas e a tela do Mac? Hoje em dia, praticamente todos os principais fabricantes de notebooks para arquitetos oferecem modelos com telas de alta qualidade e até com 100% de cobertura de espaço de cor sRGB e amplo contraste para manter os detalhes de destaque e sombra sempre visíveis.

Melhores notebooks para arquitetos

Agora quer saber o porquê eles foram escolhidos como os melhores? Confira o post!

Escolhendo um bom notebook para um arquiteto de cada bolso

No entanto, se você não tem limites de orçamento na hora de comprar um bom notebooks para arquitetos, o mais recente MacBook Pro ainda é uma das melhores opções para fotógrafos, pois o Retina Display com o monitoramento de luz ambiente True Tone da Apple é impressionante de se ver e também com alta precisão de cores. Porém, partindo de R$11.990,00 e podendo chegar a até R$24.000, ele está fora da realidade dos 99,9% dos brasileiros em busca de um bom notebook para arquitetos em 2020.

Obviamente, o notebook certo para você depende exatamente de como pretende usá-lo. Esta será a sua máquina principal, por exemplo, ou é um dispositivo secundário para trabalhar viajando ou participar de reuniões?

Qual a importância da potência e velocidade versus portabilidade e duração da bateria para você? Você prefere telas menores ou telas maiores? Vai tentar jogar alguns jogos para PC de vez em quando? Tudo isso vai impactar na escolha de um notebook destinado a trabalhos de arquitetura.

Neste post, separamos as melhores opções do mercado nacional em faixas de preço.

Índice de acesso rápido:

Notebooks para para arquitetos mais acessíveisNotebooks para arquitetos mid-rangeNotebooks para arquitetos avançados
Notebooks até R$2.500 Notebooks até R$3.500
Notebooks até R$5.500
Notebooks acima de R$5.500

Melhores notebooks para arquitetos até R$500

Faça um upgrade no seu notebook atual

Não, você não leu errado. Dá para ter um bom notebook para arquitetos gastando até R$500, isso porque ele pode ser o seu próprio notebook! Muitas vezes, quando a grana está curta, vale mais a pena investir num upgrade que impactará diretamente na performance do seu laptop do que comprar um novo.

SSD e Memória RAM

Os principais upgrades que efetivamente irão aumentar a velocidade do seu notebook são os SSDs e a memória RAM. Os SSDs têm basicamente duas interfaces: a Sata e a M.2. Se seu notebook não for assim tão jovem, você terá que optar pela Sata. Porém, se ele for mais moderninho, o M.2 pode ser uma excelente opção, pois permite manter seu HD como armazenamento.

Upgrades de SSD Sata

Upgrade SSD M.2

Dá para fazer upgrades a partir de R$80,00, se você estiver mesmo com pouco dinheiro. O SSD, nesses casos, terá uma capacidade de armazenamento menor e, por conta disso, você deve dar preferência para instalar nele os programais que usa com mais frequência como o Sistema Operacional (obviamente) e o SketchUp, CAD, etc.

Upgrade de Memória RAM

A memória RAM é a memória que seus programas usam para rodar. Portanto, não adianta querer um notebook para arquitetos com pouco memória RAM porque, dependendo da tarefa, ele pode decepcionar (mesmo tendo um bom processador).

Alguns notebooks permitem a expansão da memória RAM, portanto você precisa verificar. Outra detalhe que você precisa ficar atento é o tipo de memória RAM. Existem DDR2, DDR3 e DDR4 e se você instalar um tipo errado, não irá funcionar.

O ideal para um notebook para arquitetos com um funcionamento bom na maioria das tarefas e ainda com uma gordurinha para queimar em multitarefas é pelo menos 16 GB. Porém, com 8 GB você pode conseguir fazer a maioria das tarefas de arquitetura com certa tranquilidade.

Memória RAM DDR3

Memória RAM DDR4

Notebooks para arquitetos de R$1.500 até R$2.500

Notebook para edição de fotos e vídeos até R$2.500

Quando se trata de notebooks para arquitetos, caia fora do que vem antes dos R$1.500,00. Isso porque pelas configurações dos notebooks que você encontra por esse preço, vale muito mais a pena investir num upgrade do seu notebook atual.

Mas a gente também precisa endereçar outro assunto polêmico que envolve muitos fã-boys por aí…

Intel vs AMD

A briga entre Intel e AMD dura anos e você vai encontrar fãs das duas marcas defendendo com unhas e dentes seus processadores e soluções gráficas. Porém, pode se dizer que a AMD finalmente está à altura da Intel com os Ryzen e ainda por cima oferecem processadores com GPUs (gráficos) integrados muito melhores que os Intel por um preço bem inferior. Portanto, prepare-se para ver muitos AMDs nessa lista.

Notebook com melhor custo x benefício entre R$1.500 e R$2.500

Notebook Acer 15.6” A315-41-R4RB
Processador: AMD Ryzen 5 2500U (2.0 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 12 GB DDR4 (expansível até 16 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: AMD Vega 8 integrada
Passmark CPU Benchmark: 7338 pontos.

O mínimo aceitável em um notebook entre R$1.500 e R$2.500

Notebook Acer 15.6” A315-41-R41J
Processador: AMD Ryzen 3 2200U (2.5 GHz, 2 núcleos e 4 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 16 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB (Slot para expansão M.2)
Placa Gráfica: AMD Vega 3 integrada
Passmark CPU Benchmark: 4580 pontos.

Outras opções de notebook entre R$1.500 e R$2.500

Notebook Lenovo Ideapad 330
Processador: Intel Core i5 8250U (1.6 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 20 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: Intel UHD Graphics integrada
Passmark CPU Benchmark: 7644 pontos.
Notebook Dell Inspiron 15 3000
Processador:
Intel Core i5 8265U (1.6 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 16 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: Intel UHD Graphics integrada
Passmark CPU Benchmark: 8002 pontos.
Notebook Lenovo Ideapad S145
Processador:
Intel Core i5 8265U (1.6 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 20 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce MX110 com 2GB GDDR5
Passmark CPU Benchmark: 8002 pontos.

Notebooks para arquitetos de R$2.500 até R$3.500

Notebook para edição de fotos e vídeos até R$3.500

Nessa faixa de preço, os notebooks voltados para arquitetos já começam a ficar mais interessantes. Com opções de placas gráficas dedicadas, telas melhores e mais memória RAM, essa faixa de preço talvez seja a de melhor custo benefício.

Notebook com melhor custo x benefício entre R$2.500 e R$3.500

Notebook Samsung Expert X50
Processador: Intel Core i7 8565U (1.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 16 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce MX110 com 2GB GDDR5
Passmark CPU Benchmark: 8809 pontos.

O mínimo aceitável em um notebook entre R$2.500 e R$3.500

Notebook Dell Inspiron i15-3583-U20P
Processador:
Intel Core i5 8265U (1.6 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (não expansível)
Armazenamento: HDD 1 TB + 256 GB M.2 SSD NVMe
Placa Gráfica: AMD Radeon 520 com 2GB DDR5
Passmark CPU Benchmark: 8002 pontos.
Memória RAM aparentemente não é expansível.

Outras opções de notebook entre R$2.500 e R$3.500

Notebook Lenovo Ideapad S145
Processador:
Intel Core i7 8565U (1.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 20 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce MX110 com 2GB GDDR5
Passmark CPU Benchmark: 8809 pontos.
Preço varia muito, mas pode ser um bom custo x benefício
Notebook Dell Inspiron 15 3000
Processador:
Intel Core i5 8265U (1.6 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 16 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: AMD Radeon 520 com 2GB GDDR5
Passmark CPU Benchmark: 8002 pontos.
Notebook Acer Aspire 5 A515-52G-577T
Processador:
Intel Core i5 8265U (1.6 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 8 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce MX1130 com 2GB GDDR5
Passmark CPU Benchmark: 8002 pontos.

Notebooks para arquitetos de R$3.500 até R$5.500

Notebook para edição de fotos e vídeos até R$5.500

Os notebooks da faixa de preço de R$3.500 até R$5.500 já podemos chamar de notebooks para arquitetos com cargas de trabalho realmente complexas e pesadas. Com opções mais poderosas, quem trabalha com arquitetura pode ser aproveitar dos Notebooks Gamer disponíveis nessa faixa de preço.

Notebook com melhor custo x benefício entre R$3.500 e R$5.500

Notebook Gamer Acer Aspire Nitro 5
Processador:
Intel Core i7 7700HQ (2.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce GTX 1050Ti com 4 GB
Passmark CPU Benchmark: 8764 pontos.

O mínimo aceitável em um notebook entre R$3.500 e R$5.500

Notebook Dell Inspiron 14 5000
Processador:
Intel Core i7 8565U (1.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB + 128 GB M.2 SSD NVMe
Placa Gráfica: NVIDIA® GeForce® MX150 2GB GDDR5
Passmark CPU Benchmark: 8809 pontos.

Notebooks para arquitetos de R$5.500 ou mais

Notebooks para edição de fotos e vídeos acima de R$5.500

Essa faixa de preço já não é para qualquer um (mas ainda assim, vale mais a pena do que investir naquele anêmico MacBook Air hehe). Aqui, além das configurações melhores, também começam a aparecer telas melhores e com mais recursos (4K, touchscreen, conversíveis, etc.).

Aqui também é difícil decidir um melhor custo x benefício. Por isso, o que manda é o quanto você pode investir e qual a sua necessidade de máquina. Listamos nossas recomendações em ordem crescente.

Melhores notebooks para arquitetos a partir de R$5.500

Notebook Thinkpad E490
Processador: Intel Core i7 8565U (1.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 12 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: AMD Radeon RX 550 2 GB
Passmark CPU Benchmark: 8809 pontos.
Acer Predator Helios 300 Game
Processador:
Intel Core i7 7700HQ (2.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: HDD 2 TB + SSD M.2 256 GB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce GTX 1060 6GB
Passmark CPU Benchmark: 8764 pontos.
Notebook Gamer Samsung Odyssey XG4BR
Processador:
Intel Core i7 7700HQ (2.8 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4
Armazenamento: HDD 1 TB
Placa Gráfica: NVIDIA GeForce GTX 1060 6GB
Passmark CPU Benchmark: 8764 pontos.
Notebook Dell G5 15 Gaming G5-5590-A25P
Processador:
Intel Core i7 9750HQ (2.6 GHz, 6 núcleos e 12 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: HDD 1 TB + SSD M.2 128 GB
Placa Gráfica: NVIDIA® GeForce® GTX 1660 Ti 6GB GDDR6
Passmark CPU Benchmark: 13586 pontos.
ASUS ROG Strix G531GT
Processador:
Intel Core i7 9750HQ (2.6 GHz, 6 núcleos e 12 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: SSD M.2 512 GB
Placa Gráfica: NVIDIA® GeForce® GTX 1650 Ti 4GB GDDR6
Passmark CPU Benchmark: 13586 pontos.
Macbook Pro MJLQ2LL/A 15.4”
Processador:
Intel Core i7 4770HQ (2.2 GHz, 4 núcleos e 8 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: SSD M.2 256 GB
Placa Gráfica: Intel Iris Pro 1.5 GB
Passmark CPU Benchmark: 8961 pontos.
Notebook Profissional Avell A65 MUV
Processador:
Intel Core i9 9880H (2.3 GHz, 8 núcleos e 16 threads)
Memória RAM: 16 GB DDR4 (expansível até 32 GB)
Armazenamento: SSD M.2 512 GB
Placa Gráfica: NVIDIA RTX 2070 8GB
Passmark CPU Benchmark: 16340 pontos.

O que esperar para os notebooks arquitetos em 2020 com a chegada dos Ryzen 4000?

O cenário e, principalmente, os preços do mercado de notebooks para arquitetos em 2020 deve mudar bastante. Com a chegada da linha Ryzen 4000 da AMD para notebooks, os preços devem cair e a concorrência com a Intel ficar ainda mais acirrada.

Segundo a AMD, os processadores para notebook da série 4000 chegam a ser 90% mais rápidos que os Intel para tarefas que envolvem softwares de arquitetura.

Ryzen 4000 chega a ser 90% mais rápido que os processadores Intel

Além disso, os gráficos integrados da AMD estão ainda melhores e continuam à frente da solução gráfica integrada da Intel. Isso significa que notebooks para arquitetos de entrada, principalmente, podem se beneficiar no quesito custo x benefício.

Gráficos integrados dos Ryzen 4000 estão à frente dos Intel

Fique ligado neste post. Assim que novos processadores e notebooks chegarem ao mercado, vamos atualizar a lista e trazer as melhores opções para arquitetos.

2 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *